Simplesmente Ciana: Minha primeira aula de pilates...

Minha primeira aula de pilates...



Ahhhh.... gente!!! Se eu pudesse eu pularia essa parte, mas como o propósito do blog é contar um pouco dessa minha experiência então sou obrigada a falar, não somente das coisas boas, tenho que contar as gafes.kkk
Primeiramente qualquer ser humano que sofre de ansiedade sentirá isso, um medo sem explicação porque ter medo do algo que você nunca fez só pode ser típico de um ser hiper, mega, ansioso como eu sou por exemplo. Eu tinha medo de cair, de não aguentar por ser sedentária, tinha medo de fazer tudo errado porque eu não tinha nenhuma coordenação motora, sem equilíbrio, sem postura, medo das pessoas ficarem rindo de mim, resumindo tinha medo de fazer tudo errado.
E sabe o que aconteceu??? Exatamente isso!!! Eu fiz praticamente 99,99999% tudo errado.rsrs Exercício para direita, eu fazia para esquerda, me perdia na contagem, o povo seguia de um lado eu ia para outro, enfim pensa num desastre. Pensou? Pensou em mim na minha primeira aula de pilates. Rsrs E isso ainda se estendeu por algumas aulas...rsrs
A minha professora é uma criatura com muita paciência porque se fosse outra dizia: Pede pra sair agoraaaa!!! Rsrs
Eu saí um caco da minha primeira aula, não somente pela parte física porque qualquer sedentário quando começa alguma atividade física a sensação é de morte, sim vou morrer, não vou aguentar.rsrs E o lado emocional... ah eu via outras alunas executando corretamente e eu sendo um horror, bate sim aquela sensação de desânimo, de vergonha, mas como entrei com um único objetivo eu resolvi tentar, irei prosseguir mesmo sendo esse desastre.
Cheguei em casa feliz da vida, me sentindo... cada gota de suor valeu a pena, cada gafe valeu a pena. Sabe por que??? Porque eu não estava me esforçando por ninguém, para agradar ninguém e sim exclusivamente tentando melhorar a minha qualidade de vida.
Ninguém pode ser boa em tudo, isso não existe. Ninguém irá fazer tudo perfeitamente, isso não existe. Então como eu possuo outras qualidades eu pensei dessa forma, podem ser todas melhores do que eu aqui, eu não preciso competir com ninguém. A minha concorrência é comigo mesma, e aos poucos posso não estar no nível delas mas posso estar além do nível que iniciei. E dessa forma eu prossegui, errando, acertando, “pagando mico” até que chegou um dia que minha concentração estava boa, meu equilíbrio melhorou e consequentemente passei a executar os exercícios com mais facilidade. E pilates não é fácil para ninguém, se está fácil é porque não está fazendo direito, ou então aconteceu o melhor, ou seja, você progrediu.
Esse relato serve como um incentivo não somente para os iniciantes em pilates mas em outras atividades físicas, alguns possuem mais facilidade e outros nem tanto, mas o importante é nunca desistir.
Eu não desisti!!! E você irá desistir quando encontrar as primeiras dificuldades???
Toda vez que fizer algo por você, sempre aparecerá pedras no seu caminho: medo, ansiedade, desânimo, preguiça, torcida contra etc. Cabe a você dar um destino para essas pedras, ou você tropeça nelas e cai, ou então pode pegá-las e pular amarelinha até chegar ao céu.

Ciana Andrade 


Comentários do facebook
2 Comentários do Blogger

2 comentários:

  1. UAHUHUAHAUAHUAHAUAH que loucura, eu quero entrar nas aulas de pilates esse mês, espero que dê tudo certo.

    ResponderExcluir
  2. Bom eu fazia o de solo, comecei na semana passada com os aparelhos. Estou esperando me mudar porque irei publicar uma entrevista com a fisioterapeuta sobre os benefícios dos pilates e também falar sobre alguns aparelhos. bjs

    ResponderExcluir



Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *