Simplesmente Ciana: Resenha: Mariana - Ana Rapha Nunes

Resenha: Mariana - Ana Rapha Nunes

Oi gente! Hoje venho apresentar Mariana, de muitas Marianas que já conheci, nomes de músicas, cidade, pessoas, eis que me deparo com essa obra de Ana Rapha Nunes. Escritora carioca, apaixonada pelo Rio de Janeiro, porém mais curitibana que carioca, já que foi morar em Curitiba com apenas 1 ano de idade.

Mariana é o segundo livro da escritora, lançado em junho deste ano pela Editora Universo, são 110 páginas de um livro infantojuvenil cheio de emoções e  descobertas a serem desvendadas tanto pelos personagens quanto pelos leitores.


Sinopse
 
Mariana é uma menina que vive em uma pequena cidade de Minas Gerais. Passa os seus dias rodeada pela natureza, subindo em árvores, pegando fruta no pé, observando o pôr-do-sol, aproveitando as alegrias da infância. Vai crescendo e sonhando com o mar…

No entanto, nem tudo são flores no caminho da menina, que terá de largar sua terra natal e ir com os pais para a cidade de Mariana. Lá surgirão novos amigos, florescerão descobertas e o seu primeiro amor. Mas um mar de lama atravessará o seu destino.

A coragem e a determinação serão fundamentais para Mariana que se vê obrigada a crescer de uma hora para outra. Em poucos minutos, a sua vida e a de tanta gente irão virar de cabeça para baixo. O que fará Mariana diante desse novo universo?


Amo ilustrações então não pude deixar de mencionar e elogiar a ilustradora Karen Basso. A capa do livro é linda. Os elementos usados me impressionaram pois embora de acordo com a descrição da personagem, demonstram uma sensibilidade ímpar. Creio que seja Mariana diante de Mariana, e as borboletas remetem às mudanças, transformações que estão por vir. Existe um significado para a flor atrás da orelha em alguns países sabiam? Por exemplo no Havaí se usada na esquerda, a mulher é comprometida, se usada na direita é solteira. No Brasil eu desconheço se há algum significado, mas a personagem tinha o costume de usar uma flor para enfeitar seus cabelos, creio que aqui simboliza a liberdade de Mariana, o ar brejeiro da menina do interior. E o esvoaçar dos cabelos é um traço de movimento que seguirá até o final da narrativa. Ao longo do livro existem outras ilustrações da talentosa ilustradora.

Duas borboletas abrem espaço para dedicatória e os agradecimentos da escritora. Dedicatória feita aos moradores de Mariana, confesso que o principal motivo da escolha desse livro foi justamente saber que a obra falaria da tragédia que ocorreu após o rompimento da barragem da Mineradora Samarco, que deixou um rastro de destruição em Mariana, Minas Gerais. Em nenhum momento foi citado o nome da empresa, mas eu queria saber como a escritora tocaria no assunto para o público infantojuvenil.

Vamos conhecer um pouco de Mariana?

 Imagem cedida pela escritora
Pela própria sinopse se tem uma ideia de como é Mariana. Mas antes de começar o livro outra ilustração da face de Mariana representa um convite ao leitor para conhecer um pouco mais da personagem principal. As estrelas representam os sonhos de Mariana, a laranjeira que lhe adoçava a vida, seus belos olhos intensos e suas sardas, uma mistura de menina e moleca.

Mariana com seus 12 anos, filha única de Fátima e Etevaldo, morava num sítio na cidade de Timóteo, em Minas Gerais. O pai caminhoneiro sisudo e a mãe doce como mel criavam a pequena Mariana com muito amor. O ambiente rural presente no livro revela a infância simples rodeada pela natureza.

A partir do momento que Etevaldo recebe a proposta de gerenciar uma transportadora e tem que morar em Mariana é que a história começa de fato a te prender, pois mudaria a vida da família Cruz e Mariana a princípio não gostou nada da ideia. Mesmo tendo a oportunidade de ter uma vida melhor, poder passar mais tempo ao lado do pai, poder viajar, e enfim realizar o seu grande sonho que era conhecer o mar, ela deixaria para trás todos os seus amigos, parentes, sua rotina do campo, e sobretudo o seu melhor amigo, o primo Bartolomeu.

Acho que mãe tem um dom de chegar ao filho de uma forma que ninguém consegue chegar, é um pedacinho de nós, que acolhemos no ventre, mas que quando vem ao mundo ainda temos uma conexão que permanece. Nem o nome da cidade parecia ser algo que se levasse em conta pela pequena, que iria morar numa cidade só sua, Mariana continuava resistente. Fátima com toda paciência e doçura consegue acalmar a filha ao fazê-la enxergar que poderia visitar os parentes e amigos, mas foi o sonho de conhecer o mar que fizeram os  seus olhos brilharem e apaziguar o seu coração aflito.

Não pensem que o livro é somente sobre a tragédia que abalou a cidade de Mariana. O mar de lama, desabrigados, solidariedade, as dores, perdas, esperança perdida, relatos e reencontros. Digo com sinceridade são duas Marianas e diversos personagens neste livro, que ao mesmo tempo é simples porém intenso.

É um livro com a linguagem dos jovens, de toda a modernidade que nos cerca, internet e redes sociais como o facebook, a moda da selfie e até o bullying é citado, embora de maneira bem rápida. É uma obra de despedidas inesperadas, grandes surpresas, mostra a vida cotidiana da menina Mariana, a vida escolar, a história da cidade do interior e também o medo do desemprego.

Um livro de amizades, de primos que são como irmãos, de medo de rejeição, medo do novo. Achei interessante que me encontrei em diversos pontos do livro quando eu era adolescente e até dos meus tempos de faculdade. Afinal sempre temos os professores que gostamos, outros nem tantos, uns galãs e outros apelidados de nomes que não são tão bons, não é?

Nessa idade muitas meninas possuem diários, Mariana já tinha seu caderninho da capa roxa. Nas escolas sempre iremos encontrar os populares, os mais queridinhos, as “apaixonites”. É a adolescência, um turbilhão de emoções acontecendo tudo ao mesmo tempo, época de amores,decepções, o primeiro beijo. Tudo isso você encontrará de forma tão fluida que não sentirá o tempo passar.

Mesmo quando livro toca sobre a tragédia que também chega à família Cruz, uma mistura de mais personagens e o amor de Mariana, você fica na expectativa de chegar logo ao final para saber se houve ou não um final feliz.

Eu prefiro livros com sumário, entretanto a escritora dividiu o livro em capítulos seguidos ao longo do livro e o sumário não me fez falta, a leitura é agradável e envolvente. É um excelente livro para ser trabalhado na área pedagógica, por abordar diversos assuntos na linguagem do jovem e também a questão social e os valores que nele se encontram. E mais uma vez me recordei da minha juventude, quando eu lia a coleção Vaga-Lume, e hoje infelizmente esse costume não é mais incentivado nas escolas públicas do nosso país, salvo algumas exceções.

O livro é um encanto. Veja algumas frases que separei para vocês terem a ideia sem que eu conte todo o enredo.

“O amor verdadeiro não é egoísta.”


“As vezes, o tempo é o nosso maior aliado.”


“Viver é aprender de verdade.” 


“Aprender pode ser leve e saboroso”.


“Só os vivos podem nos fazer mal, os mortos estão no mundo deles, não no nosso!”


“Lindas estrelas que acalmam o coração e passam uma sensação de esperança.”


“ O medo é o pior inimigo do homem. Quando ele te abraça, te sufoca, te aflinge.”


“ Nada é nosso neste mundo. A gente empresta por um tempo e de repente tudo nos pode ser tirado, a qualquer momento e sem uma razão.”


“ Na desgraça, não há vez para a beleza nem para altivez. Todos são iguais.”


“ O ser humano surpreende. As vezes é tão cruel, mas também pode ser tão bom!”


“E deixar quem a gente ama para trás dói demais, rasga o peito.”


“Milagres existem.”


“ Não há nada melhor para curar uma dor que colo de mãe.’


“Mães deveriam ser eternas...”


“Nunca se sabe quantos dias ainda teremos ao lado daqueles a quem amamos.”


“ O amor deveria ser celebrado todo dia.”


“... a vida é feita de muitas dores, mas o sol sempre volta a brilhar depois da tempestade.”

Se identificou com alguma dessas frases? Tenho certeza que sim!

Acho que o livro só peca no final  ao sugerir a leitura de outro livro infantojuvenil. Se fosse um livro da própria escritora era compreensível, mas isso são coisas de editora e que infelizmente a escritora não opina. Se viesse em folha a parte tudo bem, mas não dentro do livro, estou fazendo uma crítica à editora pois da escritora só tenho elogios a fazer.

Mariana tinha mais do que o sonho de conhecer o mar, e parte dele impresso no seu nome. Uma menina, uma moleca, que gostava de ler e comer frutas do pé. Que apesar da modernidade da vida ainda mantinha o hábito de trocar cartas. Tem uma história linda para contar, de amor, de medo, de uma jovem como outra qualquer, entretanto que amadureceu diante de uma tragédia que ela fez parte. Agora se querem saber se ela conheceu o mar e se houve um final feliz após a tragédia para a família Cruz é só ler o livro. Como já falei não gosto de spoiler.

Deixo aqui o meu elogio sincero a escritora Ana Rapha Nunes e digo que muitos adultos deveriam ler esse livro embora o público alvo seja infantojuvenil, tamanha a sensibilidade que ele possui em tratar principalmente do ser humano e suas relações, e sobretudo com o próximo. Muitos aprenderiam o que realmente é importante nessa vida.

Espero que tenham gostado da resenha, e já digo que futuramente irei ler o outro livro de Ana Rapha Nunes e fazer a resenha aqui no blog. Quem quiser adquirir o livro é só Clicar aqui
E quem quiser saber um pouco mais dessa talentosa escritora clique em: Fanpage Ana Rapha Nunes
Ou podem entrar em contato pelo seu email: escritora.anaraphanunes@gmail.com
Ah e assim que for possível irei entrevistá-la pois ela possui projetos maravilhosos que merecem ser divulgados.

Beijinhos e até o próximo post.





Comentários do facebook
32 Comentários do Blogger

32 comentários:

  1. Oi, Lu, tudo bem?
    Amo livros com ilustrações em preto e branco.
    Eu tenho vontade de escrever um livro para adolescentes hahahaha
    Quem sabe um dia...
    Beijo,

    Hida

    ResponderExcluir
  2. Tudo! Eu também adoro.rsrs Ah escreve logo seu livro para que eu possa resenhar.rsrs
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Quando eu cheguei na parte do "mas um mar de lama atravessará o seu destino" eu pensei: "opa, esse não é um livro qualquer"! Bateu muita curiosidade de saber como a autora lidou com a tragédia na história, e também pra saber o final feliz da menina Mariana :)
    Parabéns pela resenha, ficou show!! Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ana, a escritora soube lidar com a tragédia e a narrativa envolve vários personagens, é muito interessante ainda mais porque a tragédia faz parte do livro mas há muitas outras coisas que são tocadas. E atingir os jovens não é algo muito fácil, saber usar a linguagem certa.
      Foi uma grande surpresa esse livro. Obrigada! bjs

      Excluir
  4. Parece maravilhoso e gostoso de se ler, achei bem interessante sua resenha e me despertou muita curiosidade sobre ele.

    Beijos
    https://pimentasdeacucar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim, eu só lia em dois dias porque tive visita em casa, mas leria num dia só de tão leve é a leitura, embora tenha a parte da tragédia, tem muitas coisas maravilhosas para refletir e até relembrar. bjs Ju

      Excluir
  5. Adoro livros com nomes de pessoas, esse ainda não tinha ouvido falar, mas pela sua resenha deve ser muito bom ♥
    Beijos
    www.conversandocomalua.com

    ResponderExcluir
  6. Dayane ele foi lançado mês passado está fresquinho.rsrs Mas vale a pena ser lido, é muito bom. bjs

    ResponderExcluir
  7. Que desenhos lindos!! A história parece ser linda e fico feliz de ver escritores brasileiros lançando obras tão bem feitas :)
    Beijos,

    Amanda
    http://talesandtalks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amanda resolvi a princípio fazer resenhas de escritores nacionais, e com poucos livros lançados, acho que temos que incentivar sabe. A história é linda e muito bem escrita. bjs

      Excluir
  8. Adorei a tua resenha, li a sinopse e gostei bastante deu vontade de ler, achei a ilustração tbm super fofa ♡ beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Lê sim, você vai amar, leria num dia só, mas com visita em casa li em dois dias, a leitura é muito leve apesar de falar também de uma tragédia. bjs

      Excluir
  9. Nunca li esse livro , mas achei as ilustrações tão legais
    Parabéns pelo blog, já estou seguindo para poder acompanhar as novidades


    www.papomoleca.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim como eu amo ilustrações não tive como não falar delas.rsrs O livro é maravilhoso. Vou te visitar depois. Obrigada! bjs

      Excluir
  10. É a segunda resenha que leio desse livro e as duas bem positivas!
    Eu não conhecia a autora e fiquei tentada a ler os livros por dois motivos: por ser de autoria brasileira e por se passar aqui.
    Parabéns pela resenha!

    bjOO


    Blog Breshopping da Dany
    SORTEIOS Conheça também o Breshopping da Dany KIDS
    Instagram: @breshopping_da_dany
    Twitter: @brechodanylins

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Isso mostra que ele está sendo bem aceito, e está sendo lido por muitos jovens pois Ana tem projetos pedagógicos que ainda irei mencionar futuramente. Obrigada! Não fique tentada, leia, garanto que vai amar. bjs

      Excluir
  11. Nunca havia ouvido falar desse livro, mas fiquei um tanto curiosa por ter sido escrito por uma autora brasileira e tratar dessa tragedia veridica. Além das ilustrações, que são lindas <3

    A sua sinopse está bem completa e me deixou mais curiosa :) parece ser um livro bem feito e maravilhoso.

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Lu fico tão feliz que você tenha gostado, você já está acostumada a fazer resenhas né, já eu escrevo mais.rsrs Ana é muito talentosa, merece mesmo ser reconhecida. Obrigada! bjs

      Excluir
  12. Eu não conhecia esse livro, e nem tinha ouvido falar na autora. Mas eu simplesmente me apaixonei pela história quando li a sinopse, já vou por na minha wishlist para poder comprar!
    Beijos,
    www.hitsdomomento.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah que bom Clara. Esse livro foi lançado recentemente, e Ana é muito talentosa. Depois que você ler poderá comprovar como ele é maravilhoso. bjs

      Excluir
  13. Que livro mais fofo! Até indiquei aqui pra minha prima que também chama Mariana *-* Não tinha visto esse livro ainda, fiquei encantada! Adoro livros assim, parabéns pela resenha!
    Nuvem de Novembro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!Como foi lançado recentemente está a venda na editora por enquanto, é só clicar no blog que direciona. bjs

      Excluir
  14. Também sou mineira e já ouvi falar da cidade de Mariana, essa visão do interior é bem assim mesmo, tem horas que temos que deixar o "sossego" para seguir em frente. Me identifiquei com a história!

    Memorias de uma Guerreira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sou carioca, mas meu marido é mineiro.rsrs Eu fiz algumas perguntas para ele em relação ao mar, porque eu carioca o mar sempre foi muito presente na minha vida. Essa vida do interior... bem assim mesmo, tudo no livro é muito real, apesar de ser uma história fictícia, e a tragédia ter acontecido mesmo.

      Excluir
  15. Não conhecia esse livro e achei a historia bem legal. Eu gosto de valorizar livros de escritores brasileiros, vou procurar por esse <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana por enquanto está venda só na editora porque ele foi lançado recentemente, está fresquinho.rsrs Clica no final do post e adquire o seu, não é caro e vale a pena. bjs

      Excluir
  16. Que livro incrível!! Me pareceu muito sensível, apesar de um pouco triste. Me lembrou também a música "Ana e o mar", do Teatro mágico :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A parte triste da história em si, é a tragédia mesmo. Mas o livro é maravilhoso tem muitas outras questões envolvidas. bjs

      Excluir
  17. Que livro legal! Parece ser um livro que envolve muitos valores e sentimentos, apesar de ser um pouco triste a história é interessante por envolver vários assuntos! Agora PRECISO ler esse livro, principalmente depois dessa resenha TOP! Adoreeei! Bjuus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Júlia resenha top.rsrs Só você, adorei. Sim envolve vários assuntos, ele não foca só na tragédia não, por isso é bem leve e a linguagem dele é dos jovens, é muito legal. Você vai gostar, só clicar no link porque como foi lançado recentemente só está a venda na editora. bjs

      Excluir
  18. Olá Luciana, tudo bem?
    Não conhecia o livro nem o trabalho da autora. Tanto a sinopse quanto sua excelente resenha me deixaram ainda mais curiosa para conhecer essa história. ♥
    As ilustrações são lindas!
    Beijos :*

    www.midnight-skies.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Gaby, fico feliz que tenha gostado da resenha.Ah tenho paixão por ilustrações, são lindas mesmo. Ah e o livro é muito bom, vale a pena ser lido. bjs

      Excluir



Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *