Simplesmente Ciana: E se eu voltasse a ser criança?

E se eu voltasse a ser criança?


Dia 12 de outubro além de ser um dia especial para os devotos de Nossa Senhora Aparecida é dia das crianças. Devotos da Padroeira do Brasil me perdoem!!!  Confesso que quando eu era criança eu lembrava mais pelo dia das crianças e eu adorava esse feriado. Acordar mais tarde e não ir para escola, não que eu não gostasse de estudar pelo contrário a escola para mim nunca foi um problema, mas como eu quase não faltava era um dia a mais de descanso.


Eu não me recordo de ganhar sempre presentes nesta data, afinal filha de pobre não é bem assim. No primário eu ainda voltava para casa com algum mimo da escola, depois dessa época ah os presentes foram ficando cada vez mais raros.


Um dia maravilhoso para o comércio e nem sempre bom para todas as crianças. Ah mas se eu voltasse a ser criança... 


Eu brincaria mais de escolinha que não gastava quase nada, apenas umas folhas de caderno, lápis e borracha, e chamaria os colegas do meu quintal. Cada um sentaria num tijolo, ou numa cadeira, e fingiriam ser meus alunos. Nessa época eu queria ser professora, não sei do que, não me lembro o que eu ensinava, só me recordo da cena.


Eu brincaria de pique-pega, pique-fruta, pique-parede e talvez inventasse mais uns piques que nunca pensei naquela tempo. Era tanta correria no meu quintal, eram tantas crianças pra lá e pra cá. Acho que todas as mulheres da redondeza resolveram ter filhos no mesmo tempo porque realmente todos tinham a mesma idade ou pouca diferença.


Eu sinto falta de um joelho ralado e até do dia que bati a boca na amendoeira, sim eu consegui essa proeza e saiu sangue para todo o lado, na certa eu estava correndo e dei uma crise de risos ao subir no banco de madeira que ficava encostado na árvore. Apesar de ser um corte superficial era tanto sangue que eu achava que ia morrer. Nada que um gelo não resolvesse, mas acho que bateria de novo pela adrenalina ou iria rir mais ainda depois do inchaço que ficou.


Eu não tinha pânico, eu era um pouco tímida. Hoje já falo demais e o pânico me persegue. Eu era livre e feliz, um pouco contida então eu faria mais loucuras de criança. Roubaria mais os bombons do meu tio, iria em mais festas em que eu era convidada e simplesmente eu não comparecia, e dançaria mais as músicas da Xuxa afinal quando eu e minha prima chegávamos éramos a sensação das festas infantis, isso quando eu conseguia dançar mesmo envergonhada. Todas as coreografias da Xuxa eram executadas com perfeição, nunca pude ser paquita porque morena não tinha chance, e quando teve eu já era muito velha.


Pular elástico, brincar de casinha, fazer comida com a terra molhada, ter muitas filhas bonecas e ouvir as histórias da vovó. Dançar ao som da vitrola, e ficar admirando as capas dos discos de vinil, pular as músicas que eu não gostava e rir quando o disco pulava sozinho.


Ouvir criança cantando para criança como o Balão Mágico e o Trem da Alegria. Assistir mais desenhos, mesmo aqueles que repetiam sempre. Bate Palminhas, Bebê Engatinhando e o meu velocípede vermelho fizeram história. Barbie eu só ganhei uma simples quando eu já não brincava mais de boneca, então ela não foi importante.


Comer bolo e ficar com a carinha suja e todo mundo achar bonitinho, tirar fotos e revelar na banca de jornal, colecionar figurinhas. Pegar o detergente da cozinha para fazer bolinha de sabão, fazer meus castelinhos na areia da praia, correr para o balanço da praça. 

Carregar meus bichos de pelúcia cheio de poeira, e não passar mal por causa do ácaro. Ah e ver a chupeta descendo pela descarga do banheiro quando enfim eu quis ser mocinha, mesmo ainda sendo criança.


Se eu voltasse a ser criança eu faria tudo de novo e muito mais do que não fiz, apesar das dificuldades eu não tinha tempo para pensar em muitas coisas, a não ser pensar em ser criança.


São tempos que não voltam mais. Tudo hoje está tão diferente, trocamos o céu anoitecendo e as cantigas de roda pelas grades que nos cercam. Os amigos muitas vezes ficam nas telas. Certamente que Cazuza tinha razão: “O tempo não pára.” Hoje quando não consigo dormir ninguém me conta histórias e nem me abraça até eu pegar no sono, senão é um “pan” da vida os olhos ficariam abertos até o outro dia.

Eu quero contar um segredo que não contei para ninguém. Vocês sabem guardar segredos? Eu vou falar assim mesmo, na verdade eu só queria pular amarelinha e novamente chegar ao céu. 


Ciana Andrade 






Comentários do facebook
31 Comentários do Blogger

31 comentários:

  1. Ainnn... esse último parágrafo cabou comigo!
    Eu corria feito uma doida quando era criança também! Casinha, escolinha, comidinha, esconde-esconde, pega-pega, elástico (pulei muuuuito!!! amava!!!), amarelinha...
    Ai, que saudade!
    Amei teu post. Relembrei de tanta coisa...

    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é amiga, aí você fala com as crianças de hoje elas nem sabem o que é isso. Tanta tecnologia que essas brincadeiras se perderam. Tenho muitas saudades também.
      Adorei o tema! Vou tentar fazer outros.
      bjs

      Excluir
  2. que texto nostálgico *_* lembrei de todas as minhas brincadeiras de infância, dos poucos amigos e, claro, das proezas que eu fazia quando era pequena (e que não eram poucas haha).

    sinceramente, eu queria muito voltar a ser criança e aproveitar tudo de novo <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa fase é nostálgica para a maioria das pessoas, a minha foi maravilhosa, eu não esqueço mesmo.rsrs bjs Lu

      Excluir
  3. Ser criança é muito bom né? Mas não sei se eu gostaria de voltar no tempo, simplesmente porque eu sofreria tudo de novo com as burrices da adolescência. Mas sabe, ainda existe uma criança aqui dentro de mim e eu faço questão que ela nunca morra! Se os outros vão achar que estou passando vergonha, problema deles, eu quero é ser feliz! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredita que minha adolescência eu nem lembro muito porque não foi boa mas a infância só tenho boas lembranças. Sim, todos nós temos um lado criança que ainda permanece em nós.

      Excluir
  4. Cianaaa :O
    Que post mais cheio de amor. Essa ultima frase ficou tão linda.
    Parabéns! ❤❤❤
    Sinto falta de pular elástico também ^O^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Paloma! Elástico eu pulei demais.rsrs bjs

      Excluir
  5. Pique-fruta eu nunca ouvi falar hahahaha mas eu amava pique-esconde e tamaré 1,2,3. E na escola eu passava o intervalo didicada a pular corda, elástico e dançar hahaha que saudades <3

    http://naonascilady.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ou do Rio Mariana, pique-fruta você corria e a pessoa tinha que te pegar, mas antes de você se abaixar e falar o nome de uma fruta só que não podia repetir a fruta.rsrs Coisas do meu tempo...rsrs bjs

      Excluir
  6. Ahh, qhe saudade eu tava dos teus posts! Amei amei amei o post, saudade dms de tudo isso!! De brincar sem ter hora p parar, de nao ter preocupacao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Liz eu estava com saudades de escrever, e esse tema quando eu vi rapidinho saiu esse texto. bjs

      Excluir
  7. Que texto lindo e profundo, me lembrei da minha infância quando adorava dançar xuxa, brincar de amarelinha tempo bom que não volta mais.
    Beijos!

    http://www.umolharcriativo.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!Verdade mesmo, não volta mais... bjs

      Excluir
  8. Olá lindona,
    amei seu texto. Se pudéssemos voltar a ser criança e reviver diversos momentos seria mágico.
    Confesso que me deu uma certa nostalgia(para o lado bom, é claro) lendo esse texto.
    Amei.
    Beijocas.

    meumundosecreto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Vanessa, eu fico feliz por isso. bjs

      Excluir
  9. Tem coisa melhor que ser criança ? Duvido! Minha brincadeira favorita era pular amarelinha, chegar ao céu era um desafio e tanto! Eu amei seu texto, me fez recordar momentos bons, eu amava acordar cedo pra assistir desenho e ficar brincando na rua de pique-esconde até tarde!!! Ôh época boa!
    Beijão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Daniele, esse texto é muito nostálgico mesmo, a maioria das pessoas ao ler comentaram que lembraram da própria infância. bjs

      Excluir
  10. Que texto lindíssimo . Às vezes eu também queria voltar a ser criança é a minha única preocupação seria chegar no céu. Também não tive uma infância com luxos, barbies e muitas outras coisas que hoje minha sobrinha tem, mas sem duvidas fui muito feliz eu e minha irmã brincamos muito, quando não brigávamos claro. Parabéns e obrigada por me fazer relembrar tantas coisas boas .

    www.daiazevedo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Dai vindo de você me sinto lisonjeada. Eu também cresci sem luxo, tive que resumir pois eram muitas brincadeiras, tinha até corrida de chapinha que nós desenhávamos no chão pois o quintal era de terra sabe. Mas eu fui uma criança muito feliz e tenho saudades daquela época. bjs

      Excluir
  11. Esse post me deu saudades de quando reunia-se todos os meus primos na casa dos meus avós para comer bolo e ganha nem que fosse uma pequena lembrancinha e ficar brincando de gato mia ou pega-pega. Agora todo mundo já ta mais velho, vai la só para comer o bolo mesmo e ve meus avós...kkkkk
    Bjss....

    http://themarie-madriperola.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrs ah coisa boa que você ainda tem seus avós. Ah é muito bom isso, não dá mais para brincar dessas coisas mas o bolo continua gostoso né. bjs

      Excluir
  12. "(...) na verdade eu só queria pular amarelinha e novamente chegar ao céu."
    Muito bom o texto amei, você escreve muito bem ♥♥♥
    Esses dias também me peguei pensando, e se eu voltasse a ser criança? Acho que é normal pensar nisso as vezes mas é tão ruim quando tentamos lembrar de algo e não conseguimos, parece que o tempo levou consigo as memórias de uma época tão boa (mesmo com suas coisas não tão boas).

    Beijos ♥
    linhas-embranco.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que depende de como foi a época, eu por exemplo lembro da minha infância mas não me recordo muito da adolescência.rsrs Tenho os meus motivos e creio que há um bloqueio.
      bjs

      Excluir
  13. Que amor! As vezes da mesmo uma vontade de voltar a ser criança, voltar aquelas brincadeiras maravilhosas, e aproveitar aquilo que não aproveitamos.
    Beijos
    http://www.filhadoreioficial.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Doce e linda infância, engraçado que não importa o que tenha acontecido, só conseguimos lembrar dos momentos felizes e se lembramos de algum ruim, normalmente eles não superam os bons. Ainda estou na fase da adolescência e estou tentando aproveitar o máximo como fiz quando criança, sempre coloco em minha mente que a infância só era feliz pois era simples e pratica, sem teorias, apenas sendo eu, acredito que se eu sempre manter a mente focada nas coisas boas e felizes, ser humilde, simples e pratica, sendo eu e estando com Deus poderei superar todos os problemas e ter sempre a felicidade de uma eterna criança.
    Lindo post minha flor, beijos e que Deus te abençoe.

    www.caminhadacrista.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Heliza! Que Deus te abençoe também. Um super beijo pra ti.

      Excluir
  15. Que saudade de sair correndo por ai *-* brincar de pega-pega, esconde-esconde, aiai! Era tão bom, nem sei por que a gente ficava com aquela de: Ai quero ser adulto! '-'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, quando se é criança quer crescer logo e quando se cresce queremos voltar a ser criança. Vai entender né.rsrs bjs

      Excluir
  16. Na nossa época era diferente. A gente se divertia com coisas simples, né?
    Eu tento fazer com que meus filhos hoje, tenham um equilibrio entre a tecnologia e o brincar lá fora. Mas acho que até os desenhos de hoje são tão politicamente corretos que deixaram eles com medo de cairem, se arrebentarem e sairem andando como se nada. Me lembro com 5 anos quando arrebentei meu joelho num ferro de construção, e coloquei durex com algodão pra continuar brincando...
    Época boa demais!
    Inquieta[Mente]

    ResponderExcluir



Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *