Simplesmente Ciana: Fases

Fases


    Meus momentos
    Minhas fases
    Inteira ou fragmentos

    Prestes a minguar
    Sem muitas forças
    Tentando apaziguar

    Aqui dentro
    Me renovar
    Voltar para o centro

    Expandir
    Sem redoma
    Sem saber partir

    Pode ser que nem tudo flua
    Vai saber?
    Às vezes, vivo no mundo da lua

    Não me encaixo
    Me destaco
    Não aceito rebaixo

    Em mim transbordo
    E num piscar de olhos
    Acordo

    Os cacos, eu junto
    Fico a colar
    E não me situo

    Não acho o espaço
    Sou sempre de fases
    Mas busco o abraço

    Que não me entorte
    Me deixe ser
    E não me leve à morte
 
 

    Ciana Andrade 



Este post faz parte do Desafio do Grupo Café com Blog


Comentários do facebook
20 Comentários do Blogger

20 comentários:

  1. Que poema lindo *-* adorei o fato de você ter posto a foto da o lua para fazer uma associação entre ela e nome di poema. Ficou tudo muito encantador e cheio de sentimentos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade a foto chegou antes do poema.rsrs Faz parte do desafio. Obrigada Lu! Bjs

      Excluir
  2. Que lindo poema, Ciana! Profubdo e gostoso de ler. Ia visualizando enquanto lia. Surgiam imagens na minha cabeça, e a imagem da lua me ajudou a divagar também. Parabéns :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também fiz a poesia olhando para a imagem, muitas vezes me inspiro em imagens. Obrigada! Bjs

      Excluir
  3. Que lindo poema, adorei! bjuxx
    www.taayvargas.com

    ResponderExcluir
  4. Que lindo poema...amei. É interessante a forma que as palavras são tão profundas em poemas e poesias né? Super lindo esse seu post, continue assim! Sucesso pra você ❤ bjsss 😘

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A poesia tem esse dom, de em poucas palavras dizer tantas coisas. Muito obrigada! Bjs

      Excluir
  5. Olá!!

    Achei o seu poema muito lindo e profundo, sem falar de pessoal. Acho que somos feitos de fazes e assim como seu eu lírico em algum momento vivemos no mundo da lua.

    Parabéns.

    Beijos e Sucesso!!!

    ResponderExcluir
  6. Que poema! Eu amei demais 😍 me identifiquei bastante! Nunca tinha encontrado um blog de poemas ❤ Virei fã

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Fico feliz que tenha gostado.Aqui tem tudo um pouco. Bjs

      Excluir
  7. Lindo poema, é dificil encontrar um blog envonvendo poemas atualmente, parabens pelo trabalho, sem duvida já quero ler muito mais, você tem uma profundidade bastante pessoal no poema, não consigo ver isso atualmente, parabens.

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente a poesia não tem muito espaço, aqui tem tudo tudo um pouco mas como eu também escrevo poesias você vai encontrá-las por aqui. Obrigada! Bjs

      Excluir
  8. Oi Ciana! Adorei o poema! Acho que de todos que já li por aqui esse é meu predileto! <3 Ele descreveu um enredo, incertezas e depois um 'sacode a poeira e dá a volta por cima', sabe?! O tipo de coisa que a gente sempre precisa ter em mente para seguir em frente na vida e ser feliz! <3
    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Re talvez você tem gostado mais desse porque eu escrevi passando por todas essas fases. Em uma semana passei por todas elas, então esse poema foi a minha verdade expressa. Obrigada! Bjs

      Excluir
  9. Achei o poema lindo e extremamente avassalador, as vezes me sinto como a lua cheia de fazes e muitas delas confusas. Amei moça e continue assim, um beijo!

    ResponderExcluir

  10. Oiie!

    Amei seu poema!! Admiro tanto quem consegue versificar a vida. Não consigo!!

    Beijos!

    ResponderExcluir



Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *